Git

NOME

git-prune - Remove todos os objetos inacessíveis do banco de dados de objetos

RESUMO

git prune [-n] [-v] [--progress] [--expire <time>] [--] [<head>…​]

DESCRIÇÃO

Note
Na maioria dos casos, os usuários devem executar git gc, que invoca o comando git prune. Veja a seção "OBSERVAÇÕES", abaixo.

Executa o git fsck --unreachable utilizando todas as refs disponíveis em refs/, opcionalmente com um conjunto adicional de objetos utilizados na linha de comando e remove todos os objetos descompactados inacessíveis de qualquer um destes objetos principais do banco de dados de objetos. Além disso, remove os objetos descompactados que também são encontrados nos pacotes executando o comando git prune-packed. Também remove entradas do .git/shallow que não são acessíveis por nenhuma "ref".

Observe que objetos compactados e inacessíveis, permanecerão. Caso não seja isso, consulte git-repack[1].

OPÇÕES

-n
--dry-run

Não remova nada; basta relatar o que removeria.

-v
--verbose

Relate todos os objetos que foram removidos.

--progress

Exiba o progresso.

--expire <tempo>

Somente expire os objetos soltos com mais de <hora>.

--

Não interprete mais argumentos como opções.

<head>…​

Além dos objetos acessíveis a partir de qualquer uma das nossas referências, mantenha os objetos acessíveis a partir dos <cabeçalho>s listados.

EXEMPLOS

Para remover os objetos que não foram utilizados pelo seu repositório ou outro que seja emprestado do seu repositório por meio de seu .git/objects/info/alternates:

$ git prune $(cd ../another && git rev-parse --all)

OBSERVAÇÕES

Na maioria dos casos, os usuários não precisarão chamar o comando git prune diretamente, mas devem chamar o comando git gc que lida com a remoção, juntamente com muitas outras tarefas de limpeza.

Para obter uma descrição de quais objetos são considerados para a remoção, consulte a opção --unreachable de git fsck.

GIT

Parte do conjunto git[1]